Buscar por conteúdo

2013: O Ano Em Sneakers – Janeiro

janeiro

Chegou o dia da nossa já tradicional retrospectiva, que resgata, mês a mês, o que de mais importante aconteceu no universo sneakerhead, no ano que está acabando.

Janeiro começou com RONNIE FIEG desenvolvendo mais um de seus modelos especiais para a ASICS, só que ao invés de vendas super exclusivas o GEL-LYTE III SUPER GREEN foi distribuído em uma ação social no Haiti, em parceria com a ONG Sole 4 Souls.

Também no primeiro mês do ano, a NIKE apresentou suas já tradicionais coleções temáticas alusivas ao ANO NOVO CHINÊS, BLACK HISTORY MONTH e ALL STAR GAMES. Das três, a última foi a que fez mais sucesso, retomando o tema espacial e fazendo muita gente aderir ao visual nada convencional de modelos que brilhavam no escuro e que não economizavam nos gráficos.

Ainda falando da marca do swoosh, foi somente em janeiro, depois de alguns meses de espera, que a NIKE anunciou a data do aguardado LEBRON X CORK. A espera, para os brasileiros, foi ainda maior, já que o tênis só deu as caras por aqui quatro meses depois das vendas na gringa.

A ADIDAS começou o ano embalada por uma colaboração com a HANON, que trouxe de volta o CENTAUR, enquanto a alemã SOLEBOX anunciava edição especial do SUPRA SKYTOP e renovava sua parceria com a SAUCONY, trazendo de volta o tema dos três irmãos.

A CONVERSE começou 2013 apostando em coleção temática dos THUNDERCATS, mas seu ponto alto no mês foi mesmo o PRO-LEATHER que festejou o ano da serpente.

Não tem jeito: apesar de numerosas, em um nível quase que insustentável, as colaborações são, quase sempre, o grande destaque do universo sneakerhead. ASICS sabe bem disso, e em janeiro retomou a dobradinha com a italiana SLAM JAM, enquanto a PUMA repetia coleção assinada por FRANK KOZIK, numa iniciativa exclusiva do mercado latino, que não incluiu o Brasil, e a COLE HAAN seguia firme e forte lançando LUNARGRANDS assinados pela FRAGMENT.

Um ano depois de lançar o FLYKNIT, a NIKE usava, pela primeira vez, o tricô tecnológico em uma silhueta criada especialmente para a divisão de SPORTSWEAR, ao mesmo tempo em que lançava um novo modelo para corrida, com amortecimento mais reforçado.
Embalado pela assinatura HTM, o FLYKNIT CHUKKA entrou, direto, para a lista de melhores do ano e nós, do SNEAKERSBR, colocamos nossos pés, antes, em uma das edições do FLYKNIT LUNAR 1, que está prestes a ver nascer sua segunda geração.