Buscar por conteúdo

A Importância Do Air Jordan XI ‘Bred’ No Último Trimestre Da Nike Inc.

A pandemia que paira sobre nós tem deixado o planeta de cabeça para baixo e indubitavelmente proteção às vidas deve ser a maior preocupação de todos, independente de quais são as suas crenças, nacionalidades, idades e estado de sanidade mental.

Mas, para quem não é um dos heróis da área da saúde e está na linha de frente do combate ao Covid-19, só resta ficar em casa para diminuir a rapidez do aumento do número de infectados e planejarmos ações para quando pudermos retomar a nossa vida normal, que obviamente será muito impactada em todos os níveis e as preocupações econômicas estão entre os itens mais sérios dessa lista.

Muitas empresas estão passando por situações financeiras delicadas e os números são extremamente necessários para que volumes controlados apenas com os olhos não nos enganem. Nessa posição podemos citar a NIKE, que divulgou alguns indicadores de seu último trimestre, apontando para um crescimento de 5% em suas receitas.

Dentro das marcas que fazem parte da NIKE INC. temos CONVERSE alcançando uma receita de 506 milhões de dólares, que corresponde um crescimento de 11%, enquanto as divisões principais apresentaram 6% a mais para seus 9,6 bilhões de dólares. Esmiuçando essa grande quantia, um dos maiores colaboradores individuais é o AIR JORDAN 11 “Bred”, lançado no final do ano passado, que alcançou o título de maior lançamento da história da NIKE – título que já pertenceu ao mesmo modelo na colorway ‘“Space Jam” lançado em dezembro de 2016.

Porém, como nem tudo é alegria, o lucro líquido da empresa diminuiu 23% e essa recuperação não deve vir tão rapidamente, por motivos óbvios.