Buscar por conteúdo

A Nike Foi Além Do Solado E Resolveu Criar O Primeiro Cabedal Impresso Em 3D: O Flyprint

Na corrida tecnológica promovida pelas grandes marcas esportivas, a “impressão” 3D está no pelotão principal, com solados impressos pipocando em lançamentos de UNDER ARMOUR, ADIDAS NEW BALANCE.

Até então, a NIKE só assistia de camarote a essas novidades tridimensionais, já que seus calçados com solado 3D nunca saíram dos pés de seus atletas.

Ao invés de entrar na briga e surgir com a sua própria entressola “impressa”, a NIKE deu um passo à frente e apresentou o FLYPRINT, material do primeiro cabedal construído através de impressão 3D.

O primeiro tênis a aparecer com a nova tecnologia é o ZOOM VAPORFLY ELITE, modelo principal da iniciativa BREAKING2 e o queridinho do maratonista Eluid Kipchoge. E por falar em Kipchoge, é ele um dos responsáveis pela aperfeiçoamento dessa nova versão do tênis, que por sinal estará em seus pés na maratona de Londres, no próximo final de semana.

Mesmo levando o primeiro lugar da última maratona de Berlim, Eliud teve seu rendimento atrapalhado pela forte chuva que castigou a prova, dificultando ainda mais a tentativa de quebra de recorde.

Para a NIKE, a água da chuva absorvida pelo tênis foi um dos principais fatores que atrapalharam o atleta, pelo peso extra que trouxe pro calçado.

Após essa análise, a companhia enxergou a oportunidade perfeita para adicionar o FLYPRINT ao ZOOM VAPORFLY ELITE.

Feito de polímeros sintéticos, o FLYPRINT acaba com o problema da absorção de água e possibilita a quase completa personalização do cabedal.

Não à toa, Eliud Kipchoge avançou junto com a NIKE e criou a versão perfeita para a sua performance, após uma série de samples.

O teste pra valer do ZOOM VAPORLFY ELITE FLYPRINT vai acontecer durante a Maratona de Londres, dia 22 de abril, e quem estiver pela capital inglesa terá a chance de tentar garantir um  dos pouquíssimos pares do tênis, à venda através do NIKE APP.