Buscar por conteúdo

adidas Processa Vendedores Do Instagram Por Falsificação

A ADIDAS AG, grupo que controla marcas como ADIDAS e REEBOK, está movendo um processo milionário contra vendedores de produtos falsos do Instagram.

A nota publicada pela THE FASHION LAW diz que o processo teve entrada no tribunal da Flórida contra 53 vendedores por 2 milhões de dólares cada totalizando 106 milhões. Apesar de não envolver o Instagram ou o próprio Facebook, dona da rede social, um dos argumentos da companhia alemã é que esses vendedores conseguem promover seus anúncios além de atrair interessados através de hashtags.

Outro dado interessante é que o Instagram foi o facilitador em vendas de 29 bilhões de dólares de produtos falsificados no Instagram em 2016, grande parte deles por marcas do momento como YEEZY, VETEMENTS e BALENCIAGA.

Indo um pouco mais a fundo na história, a dupla Facebook e Instagram removeu mais de 3 milhões de posts com produtos falsificados em 2017.

Fonte: The Fashion Law