Buscar por conteúdo

CLOT Recapitula Seu Longo Histórico De Colaborações Com A Nike

Preparando o terreno para mais uma colaboração com a NIKE, a marca CLOT listou todas os seus tênis feitos em parceria com a marca ao longo de 11 anos, sustentada por uma rede de lojas, a JUICE, que vende diversas outras marcas também.

Nike Air Max 1 'Kiss of Death' (2006)

Com um AIR VAPORMAX prestes a chegar nas lojas, essa longa relação teve início em 2006 com o AIR MAX 1 ‘KISS OF DEATH’ marcado por painéis transparentes na região do toebox complementados por couro de avestruz e cobra além de suede. As palmilhas traziam um mapa com os pontos de pressão do pé.

Nike Air Footscape Woven X ACU (2006)

Ainda no mesmo ano, para comemorar a abertura da ACU, um braço da CLOT dedicado somente para a venda de tênis, foi escolhido um AIR FOOTSCAPE WOVEN com cabedal de hemp e as tranças nas cores do movimento rasta, verde, vermelho e amarelo. Inicialmente eram apenas 24 pares mundialmente porém uma leva posterior, ainda limitada, foi lançada.

Nike SB Dunkesto Low Pro X ACU (2006)

Ainda na mesma temática do AIR FOOTSCAPE WOVEN, uma fusão de DUNK SB com o PRESTO, marcado pelos suportes laterais de plástico e a tag redonda na língua foi lançada para também comemorar a abertura da ACU.

Aqui, a cartela de materiais envolvia couro de crocodilo, hemp e couro liso.

Nike Air Max 1 'Kiss of Death' ou 'Touch the Sky' (2007)

No ano seguinte, em 2007, o AIR MAX 1 voltou a ser alvo da CLOT. Conhecido também como KISS OF DEATH ou TOUCH THE SKY e até mesmo o AIR MAX 1 do KANYE WEST, esta edição teve apenas quatro pares produzidos pelo programa de customização NIKEID (com alguns extras) em plena turnê do disco TOUCH THE SKY que estava de passagem pela China.

Os quatro pares ficaram com o próprio KANYE e EDISON CHEN, o nome por trás da marca.

Nike Air Force 1 '1World' (2009)

Entre 2008, ano que o AIR FORCE 1 comemorou 30 anos, e 2009, a NIKE promoveu o grande 1WORLD para uma grande celebração.

O projeto visitou lojas, artistas, jogadores, músicos e marcas no mundo inteiro que criaram sua própria edição de um dos tênis mais icônicos de toda a história da NIKE.

A CLOT trouxe um cabedal todo vermelho com um padrão chinês por todo o cabedal que quando descascado, revelava uma segunda camada de couro preto com a mesma arte. A filosofia de trabalho da CLOT que é ‘nunca julgar somente pelas aparências’ foi aplicada aqui, que desvendava temas como sorte, felicidade e prosperidade com o uso do tênis.

Além disso, ele foi um dos primeiro a ter o solado translúcido com a cápsula de AIR visível, que foi amplamente usado pela NIKE nos anos seguintes.

Nike Air Max BW (2010)

Dois anos depois, o AIR MAX BW ganhou cinco colorways desejadas até hoje por colecionadores do mundo inteiro.

Com o logo da marca gravado a laser perto do toebox, uma das edições ficou conhecida como PARIS SAINT GERMAN, o clube francês, por conta da sua combinação de cores.

Cada cor teve apenas 6 cores fabricadas.

Em 2012, a CLOT ficou responsável por dois TENNIS CLASSIC.

Nike Tennis Classic 'Museum' (2012)

O primeiro deles era todo metalizado com detalhes vermelhos. Ele recebeu o apelido MUSEUM e vinha em uma caixa de vidro e madeira super caprichada.

Cada par era lustrado a mão um por um criando edições únicas, limitadas e bem disputadas.

Nike Tennis Classic 'Museum' (2012)

Logo depois, uma versão mais acessível foi lançada com o cabedal de suede no lugar da tintura metálica com os detalhes na cor vermelha bem mais visíveis.

Nike Air Max 1 SP (2013)

Sete anos depois do início da parceria, e do primeiro AIR MAX 1, a CLOT revisitou o tema do primeiro modelo em uma construção atualizada com o cabedal de HYPERFUSE e com os pés estampados no solado visíveis pelo efeito translúcido resgatando o tema do KISS OF DEATH.

Nike Lunar Force 1 'Alumni' (2015)

E o último modelo, até então, é um LUNAR FORCE 1 de 2015 inspirado nas jaquetas varsity, comuns em universidades nos Estados Unidos.

Construído por HYPERFUSE, o tênis trazia setores ventilados e outros em um material semelhante ao moletom.

Com os swoosh laterais em forma de jewel, forma resgatada recentemente pela NIKE, o detalhe marcante era que cada pé vinha em uma cor, azul no direito e vermelho no esquerdo.

Nike Air VaporMax (2017)

Por último, vem o, ainda não lançado, AIR VAPORMAX.

Todo vermelho, cor marcante e presente no logo e história da marca, detalhes pretos surgem nos cabos de FLYWIRE e cadarços.

O lançamento, que vem sofrendo sucetíveis mudanças , teve a última data como dia 28 de julho divulgada. Sua chegada no Brasil estava confirmada porém, em uma data completamente desincronizada, ele já foi vendido pelo NIKE.COM brasileiro.