Buscar por conteúdo

MuiTOP 10 2015 – Por Jaime Ha

Já virou tradição: na última semana de cada ano, convocamos nosso time a escolher os seus 10 tênis favoritos dos meses que se passaram.

É nossa forma de olhar para o que de melhor aconteceu ao longo do ano que se encerra e de mostrar para você um pouco de quem está por trás das notas que você lê diariamente, nesse site.

E não é pouca coisa! Só em 2015 foram mais de 1900 notícias publicadas aqui no SNEAKERSBR, cobrindo o que se passa tanto no mercado internacional, quanto no nacional, cada vez mais aquecido.

Aos trabalhos, então, com a lista do Jaime Ha, o comandante linha dura da tropa.

E que 2016 seja ainda melhor! :)

muitop10-2015-1

Sem pensar em alguma colaboração ou edição muito específica, foquei em novas silhuetas ou clássicos repaginados, como foi o caso do CHUCK II e do híbrido FREE HUARACHE CARNIVORE.

10. Converse Chuck II

Chuck_II_Group_-_hi_33423

Nunca fui muito fã do CHUCK TAYLOR, mas as mudanças feitas por ‘baixo do capô’ do modelo, principalmente as palmilhas de LUNARLON, sem alterar a estética icônica o fazem merecer um lugar neste top 10.

9. adidas Futurecraft

adidas-futurecraft-3d-printed-adidas-ultra-boost-1

O FUTURECRAFT só não aparece numa posição mais elevada do meu top 10 por dois motivos: não teve uma tiragem comercial e ainda não se sabe quais serão os desdobramentos dessa nova tecnologia. Tive a oportunidade de colocar um dos 100 pares fabricados no pé por alguns minutos, suficientes para me livrar de qualquer receio sobre o aspecto frágil do solado esculpido por uma impressora 3D. Sem contar o visual da silhueta que é incrível.
O FUTURECRAFT promete!

8. NikeLab Air Footscape Magista

nike-air-footscape-magista-oficial-8

Modelo que realmente me animou muito quando foi lançado, mas acabou sendo esquecido ao longo de 2015. Combinando mais uma vez futebol com lifestyle, não tinha como ficar fora dos melhores do ano, apesar de eu continuar gostando mais do FREE MERCURIAL SUPERFLY.

7. adidas NMD

NMD_Consortium_Black_AngledPair

Igual ao TUBULAR, no ano passado, chegou no finalzinho do ano e tem tudo para causar muito no ano seguinte. Fora a combinação PRIMEKNIT e BOOST, que é perfeita.

6. adidas Yeezy Boost 350

YZY350_WHITE_003

Duas noites passadas na rua para conseguir as duas primeiras edições lançadas e que vieram para o Brasil – tive a sorte de ter sido sorteado nas duas ocasiões. Um modelo simples e fácil de usar e que também apela para a dobradinha PRIMEKNIT + BOOST que vai continuar aparecendo neste top 10.

5. Nike Kobe XI

15-590_Kobe_11_Hero_A-01_native_1600

A linha de KOBE BRYANT sempre representou inovação para os modelos de basquete na NIKE. Da primeira vez que eu ouvi falar de FLYKNIT, fora dos tênis de corrida, foi pouco antes do KOBE IX ser lançado. Porém, o que me decepcionou foi o excesso de camadas internas que acabam deixando o modelo mais robusto e tirando uma das características que mais me agradava nos modelos que carregavam o tricô tecnológico da NIKE, algo que acabou se repetindo na geração seguinte. Agora, na décima primeira geração e talvez a última (?), o KOBE XI surge bem slim, o que acabou desagradando muitos fãs de basquete, mas não a mim. Pode ser que reapareça no meu top 10 do ano que vem, se tiver uma edição HTM vindo por aí.

4. adidas Tubular Doom

Adidas Originals Tubular Paris Fashion Week Performance

O TUBULAR DOOM é um tênis que, assim como o KOBE XI, só chega nas lojas no comecinho de 2016. Pode ser muito cedo para estar numa lista de melhores de 2015, ou talvez muito tarde para o ano que vem. Melhor adiantar então… hehe

3. Nike Free Huarache Carnivore

Captura de Tela 2015-12-27 às 01.36.28

O FREE HUARACHE CARNIVORE tem uma estética que eu não consigo descrever e ainda assim me agrada muito. Não foi lançado no Brasil e teve uma boa oferta no mercado de revenda, logo após o seu lançamento, porém quando decidi comprar um já não havia mais no meu tamanho. Por muita sorte, consegui um na versão branca neste finalzinho de ano, por um preço muito abaixo das lojas.

2. adidas Yeezy Boost 750

adidas-yeezy-boost-22

Não dá para negar a influência da KANYE WEST no mercado de sneakers. Muita gente criticou o, até então, suposto modelo, quando surgiu uma foto dele segurando um sample em um avião, mas o cara conseguiu reverter magicamente todos os comentários negativos em desejo e hype. Palmas para ele.

1. adidas Ultra Boost Collective J&D White

adidas-ultra-boost-collective-dirk-schonberger-james-carnes-3

Independente da versão, o ULTRA BOOST é o melhor tênis de 2015, mas essa colorway específica, inteira branca, do projeto ULTRA BOOST COLLECTIVE merece um destaque especial, muito por conta dos elementos que diferem ele da versão regular: língua e palmilhas de couro, estrutura externa refletiva e texturizada e, principalmente, o solado todo branco não visto em nenhuma outra edição e que o torna muito mais elegante.