Buscar por conteúdo

Nike X Arsenal FC – Kit de 125° Aniversário

Completar 100 anos é uma data realmente importante, mas nem sempre muito feliz. Tanto no Brasil quanto na Europa os clubes centenários quase sempre têm um péssimo aniversário.
A torcida do Arsenal, porém, não vai se preocupar com isto, pois o clube inglês completa 125 anos em 2011.

Fundado em 1886 por trabalhadores da Royal Arsenal, um fabricante de armamentos, o clube foi batizado de Dial Square em referencia ao setor onde trabalhavam. Rapidamente passou a se chamar Royal Arsenal, assim como a fábrica. O clube começou a jogar competições importantes, como a FA Cup – copa da federação inglesa – e, com receio de que seus atletas amadores fossem atraídos pelos times do norte, tratou de se profissionalizar.

O time então foi banido das competições amadoras da London Football Association e só jogou partidas amistosas e a FA Cup. O Arsenal até tentou criar uma liga como a Football League – que era disputada no Norte – mas a ideia não foi bem recebia. Em 1893 uma companhia foi fundada para que o clube pudesse comprar o Manor Ground, onde jogava desde de 1888. Assim, mudou de nome para Woolwich Arsenal. No mesmo ano a Football League convidou o Arsenal para jogar sua segunda divisão, sendo o primeiro time do Sul a entrar na disputa.

Apesar de terminar no meio da tabela por 11 anos e do boom do futebol à época, o Arsenal tinha muitos problemas. Primeiro estava isolado em Plumstead, uma área de baixa população nos arredores da Londres urbana. Segundo, o público tinha caido para menos da metade. Assim o time foi forçado a vender suas estrelas e caiu ainda mais na tabela. Em 1910 o clube decretou falência e foi comprado por um grupo de investidores.

Sir Henry Noris então se tornou o dono do Arsenal – ele já era dono do Fullham- e começou a mudança do Woolwich Arsenal. Primeiro gastou 125.000 libras – o equivalente a quase 9 milhões de libras nos dias de hoje – para mudar o time para Highbury. E depois mudou o nome de Woolwich Arsenal para The Arsenal e finalmente em 1919 somente Arsenal. Em 1919 o time subiu à primeira divisão de maneira um tanto controversa. Em 1933 acontecia a última mudança do time, o seu novo presidente Herbert Chapman mudava o uniforme adicionando as mangas em branco, tão clássicas. Sob o comando de Chapman o time foi modernizado e reformulado, começando sua época de ouro e encontrando o caminho de títulos.

Usando esse formato clássico, mas tomando como base os uniforme da década de 70, a Nike basicamente trouxe o mesmo template que usa de base em quase todas as camisas novas, por exemplo na do Brasil.
Aqui adicionou a linha na manga, que batiza da Speed Strap.
Novidades no kit só o escudo especial que traz louros e a lembrança da data com o lado esquerdo tendo 1886 o direito 2011, além disso tem a inscrição FORWARD no meio, em referencia ao primeiro lema do time.

Ainda completando a caracterização do uniforme, temos o escrito Arsenal na parte de trás da gola. Por dentro da camisa, embaixo do escudo, temos ‘Victoria Concordia Crescit’ ou Vitória Através da Harmonia em latin. Esse é lema do time e já foi usado no escudo entre 1949 e 2002.

Se visualmente o Kit não diz muito, a parte tecnológica realmente é a estrela do uniforme. A Nike informa que cada Kit completo – isso porque pela primeira vez a Nike usa esse processo também nos shorts – usa 13 garrafas PET e que o novo processo produtivo economiza 30% de energia em sua fabricação. Além disso o novo uniforme é 13% mais leve que o antigo. O kit ainda estica 17% mais que o antigo e tem um debrum soldado que permite um melhor ajuste ao corpo do atleta.

O kit poderá ser comprado a partir do dia 9 de julho, junto com uma linha de treino e lifestyle para fãs do Arsenal.